domingo, 25 de agosto de 2013

Beija-flor-de-papo-branco

Leucochloris albicollis Vieillot, 1818.

Gênero LEUCOCHLORIS Reichenbach


MACHO - BRIGANDO
Foto gentilmente cedida para esta postagem por Marco Guedes, feita na Reserva Guainumbi, Sáo Luiz do Paraitinga-SP, feita em 04.09.2009.
Observação do autor: Esta briga, infelizmente, foi letal para o perdedor.

Distribuição geográfica: Argentina, Paraguai, Uruguai e Brasil, do Rio Grande do Sul ao Espirito Santo, inclusive o Sul de Minas Gerais.

Caracteristicas: Medidas: comprimento 103 mm. Asa 61. Cauda 35. Bico 24. Peso 5,0g Vibração de asa 31 p.s Peso e medida dos ovos: 0,60g. 16 x 8,8mm. Temperatura 42° C.
Dimorfismo sexual pouco diferenciado.

Habitat: Vive nas florestas e scrub. Frequenta os jardins e pomares de altitude superiores a 600m.


Foto gentilmente cedida para esta postagem por Demis Bucci, feita na Reserva Guianumbi, São Luiz do Paraitinga-SP, em 20.08.2011.
Observação do autor: Foto feita com dois flashes, agradeço ao Luiz Rondini por emprestar o 2º flash e ao Luciano Monferrari por ficar na chuva segurando ele rs... 

Em um super encontro comemorando meu aniversário: Luiz Rondini, Tomaz Mello, Eduardo Veríssimo, Monferrari e esposa, Humberto Marques e família, JM e Adri, Rafa e Elis, Josiel e é claro minha esposa querida :

Migração: Pequena migratória.

Descrição: Lado dorsal verde-bronzeado brilhante; retrizes laterais enegrecidas, com pouco esverdeado e a extremidade com acentuada faixa branca. Lado ventral com mento verde, tendo essas penas bordos brancos; garganta com grande macula oval branca; infracaudais brancas, com um disco negro ao centro. Bico com maxila negra e mandibula vermelha com ponta enegrecida. Femea semelhante, com coloração mais enegrecida. 
Comportamento e biótopos para nidificação, banho e canto, descanso, parada nupcial e dormir.
É solitária, sendo frequente encontrar-se na flores da lobeliácea, Lobelia urocroma, nos lugares úmidos das pedreiras e alagadiços. Nos jardins e pomares visita flores de citrus, Malvaviscus, Abutilon, Salvia et. Nidificação, postura, incubação e cuidados com a prole a cargo da femea. A parada nupcial é rica de movimentos em voo, com o abrir da cauda em leque e revolteios ao redor da femea , que na fase de exibição de plumagem acompanha os movimentos com canto surdo e raros assovios. Nos paroxismo, o macho se acerca da femea e faz movimentos com a cabeça e bico, abrindo as asas, ameaçando agressão  e movimentando as penas do mento e garganta, ao mesmo tempo em que produz um chilreado pouco sonoro e baixo. Em seguida é aceito pela femea. O ninho é do terceiro tipo de classificação de A.Ruschi, sendo ornamentado externamente com líquenes, fixado por teia de aracnidios. A incubação dura 14 dias e os jovens deixam o ninho em 20-22 dias. O banho é tomado nas folhas ou flores  umedecidas pelo orvalho ou chuva e também nas poças de agua límpida dos córregos e de respingos de cascatinhas ou corredeiras, após o que vão pousar num ramo para higiene da plumagem. Também o banho de sol é realizado em pouso ao aberto e a posição da cauda aberta, com a cabeça virada para o alto expondo o mento e garganta, cerrando os olhos e mantendo as penas eriçadas da parte dorsal, a fim de os raios solares penetrarem. Assim permanece por dez minutos ou mais, repetindo várias vezes ao dia. Também nesse pouso ou em outro local entremeado de sombra costuma emitir seu canto. Este é um chilreado que dura de 4 a 7 segundos, seguidos de alguns agudos com certa melodia, para novamente voltar ao chilreado. esse canto se prolonga por até 30 minutos. O dormir é idêntico ao de outras espécies, em lugar protegido do scrub, mantendo a posição normal de pouso, com plumagem dorsal eriçada.

NINHO - CHOCANDO
Foto gentilmente cedida para esta postagem por Vitor Herdy, feita em PARNA Caparaó, Alto Caparaó-MG, em 07.12.2012.

Reconhecimento em seu habitat: Essa especie é reconhecida facilmente porque tem o peito com a mácula oval branca, circundada de verde.
Citação: Aves do Brasil - Augusto Ruschi - Beija-flores - Volume V.



MACHO - ADULTO
Foto gentilmente cedida para esta postagem por Constantino Melo, feita em são Luiz do Paraitinga-SP, em 21.10.2010.



FAMÍLIA TROCHILIDAE
SUBFAMÍLIA TROCHILINAE
Ordem Trochiliformes

Etimologia: 
Leucochloris - do grego leukos = branco + khloros = verde,
albicollis = do latim albus = branco + collis = pescoço, garganta (collus ou collum, colli = o pescoço).
Citação: Aves Brasileiras - Johan, Christian Dalgas Frisch


JOVEM
Foto gentilmente cedida para esta postagem por Daniel Brazil, feita em Campos do Jordão-SP, em 31.05.2013.

Estas fotos estão no Wikiaves, e estão entre as mais bem avaliadas da espécie.

BEIJA FLORES DO BRASIL - NUMERO 19



Nenhum comentário:

Postar um comentário